Brasileiros não querem bebidas alcoólicas na Copa, diz pesquisa

Pesquisa realizado pelo Senado, por telefone, mostrou que 80% de 1.242 entrevistados, não estiveram de acordo com a liberação da comercialização de bebidas alcoólicas nos estádios onde serão sediados os jogos da copa.

A população brasileira já está manisfestando à sua insatisfação com relação a exceção que poderá, ou não, colocar a venda bebidas alcoólicas durantes os jogos das seleções nos estádios onde os mesmos serão sediados.

Não foram todos os brasileiros que expressaram a sua opinião em relação a venda de bebidas alcoólicas nos estádios durante a Copa, mas uma pequena parte deles, ao todo 1.242 pessoas, foram entrevistados por telefone e, apurando todos os resultados, cerca de 80% não aprovaram, sendo que 19% estiveram à favor e o outro 1% representa os entrevistados que não souberam ou preferiram não votar.

No mês passado, centenas de pessoas acompanharam a notícia da aprovação do texto da Lei Geral da Copa, onde a proibição da venda de bebidas alcoólicas havia sido retirada do Estatuto do Torcedor,  mas isso não dá, ainda, a liberdade dos estádios comercializarem, a nível estadual, as bebidas alcoólicas, pois a Lei Geral da Copa ainda está sendo analisada pelos senadores em três comissões diferentes e, só então, passará pelo plenário da Casa.

A pesquisa foi realizada pelo Senado! Caso você não tenha participado da pesquisa oficial, entre nesta página, do R7 Esportes, e dê a sua opinião.


Recomendamos: