Por que coelho e chocolate na Páscoa?

Conheça um pouco mais sobre esse feriado.

A páscoa está chegando e com ela seus dois maiores símbolos o coelho e ovo, mas você sabe o porquê dessa simbologia. Como todos sabem a Páscoa é uma festa cristã que comemora a ressurreição de cristo, o que muitas pessoas, no entanto muitos desconhecem as origens dos costumes desse feriado.

Diversos costumes ligados ao período pascal originam-se antes do prido de nascimento de Jesus. Alguns deles vem de festas pagãs de inverno, outro da Páscoa Judia, essa festa é celebrada por 8 dias e comemora o êxodo dos israelitas, liderados por Moises, do Egito durante o reinado do faraó Ramsés II. Um ritual de passagem, assim como a “passagem” de Cristo, da morte para a vida.

O Coelho

Deixando um pouco a história, vamos voltar a simbologia. Em meados de 1700, os imigrantes alemães trouxeram esse costume para América. Eles diziam as crianças que o coelho escondia   ovos coloridos pela casa que elas teriam de encontrar na manhã de Páscoa.

Essa lenda alemã tem fundamento em uma história antiga da Europa. Uma mulher pobre coloriu alguns ovos e os escondeu em um ninho para dá-los a seus filhos como presente de Páscoa. Quando as crianças descobriram o ninho, um grande coelho passou correndo. Espalhou-se então a história de que o coelho é que trouxe os ovos.

O coelho também é um símbolo de fertilidade, outro fator para sua escolha como símbolo.

O Ovo

O ovo representa a vida, desde antiguidade, os persas acreditavam que a Terra saíra de um ovo gigante. Os povos egípcios e persas costumavam presentear seus amigos com ovos coloridos com tintas primaveris. A tradição de entregar ovos na começou na Mesopotâmia  e se espalhou pela Europa. Nessa época os ovos eram somente decorativos.

Mas e o Chocolate?

Os ovos de chocolate só surgiram depois da descoberta da América, graças a sua principal matéria prima, o cacau. Chefs franceses fizeram os primeiros ovos de chocolates no século 18.


Recomendamos: