Profissão: Gestão de Recursos Humanos

Conheça um pouco mais sobre o mercado de trabalho de um Gestor de Recursos Humanos, assim como suas principais funções e a média salarial de um recém-formado.

O Gestor de Recursos Humanos é um profissional capaz de realizar o desenvolvimento e gerenciamento de planos de carreira dentro das empresas. Uma de suas principais funções, como administrador, é integrar todos os setores da empresa.

É cada vez maior o número de empresas e organizações se interessando pelos serviços prestados pelo Gestor de Recursos Humanos e, por este motivo, o mercado de trabalho de Gestão de Recursos Humanos está em constante crescimento.

Mercado de Trabalho de um Gestor de Recursos Humanos

O mercado de trabalho é cada vez mais promissor, pois as empresas estão percebendo a importância desse profissional, cujos serviços e conhecimentos são indispensáveis. O Gestor de Recursos Humanso, ou Gestor de RH, terá boas chances de ingressar sua carreira em empresas públicas ou privadas, sejam elas de pequeno, médio ou grande porte.

O Gestor de RH estará, ao final de sua formação, capacitado a gerenciar e coordenar todo o setor de recursos humanos de uma empresa, desde as atividades mais simples, até as mais graduadas.

O que faz um Gestor de Recursos Humanos

Espírito de liderança e senso de organização são algumas das atribuições ao Gestor de RH
O Gestor de Recursos Humanos pode atuar em diversas áreas diferentes, pois a profissão é bem ampla. Alguns exemplos de suas atuações no mercado de trabalho, são: Desenvolvimento Organizacional, Recrutamento de Funcionários, Administração de Cargos e Salários, Supervisionar e Analisar, assim como atuar como Assistente de Departamento Pessoal.

O trabalho de Gestão de Recursos Humanos está bastante ligado à contabilidade, embora nos últimos anos a profissão tenha mudado seu rumo um pouco para a área de apoio à gerência das empresas.

Salário de um Gestor de Recursos Humanos

Atualmente, o salário médio de um recém-formado está em torno de R$ 2.500,00, segundo informações obtidas pela professora ISamara Della Favera Allegretti, da Unisinos. É claro que, dependendo da empresa e região, o salário poderá sofrer alterações positivias e negativas, embora a tendência seja ser sempre maior com o passar dos anos.


Recomendamos: