Atitudes que irritam os homens

Aprenda, definitivamente, como não irritar os homens e deixá-los mais a vontade!

Homem irritado Os homens podem até parecer complicados, embora sejam bem menos que a grande maioria das mulheres, e de um modo geral, costumam se irritar com algumas atitudes femininas, das quais os tiram do sério e são capazes de os fazerem odiar o sexo feminino por um instante.

E são essas atitudes que você, jovem ou mulher, deverá evitar sempre que possível quando estiver na presença ou não de seu parceiro. Atitudes que podem irritá-lo, tirá-lo do sério e querer ficar longe de você por um bom tempo.

Chorar depois de uma discussão
Não há nada mais chato que, instantes após uma discussão, você começar a chorar. Os homens repudiam, de um certo modo, mulheres choronas. Isso não quer dizer que eles não queiram ver vocês chorando, mas após uma discussão, é importante que você controle suas emoções e evite chorar, afim de evitar que as coisas fiquem mal esclarecidas.

Perguntar incessantemente o que há de errado
Está aqui outro ponto chave para você se tornar mais legal: Evitar insistir em perguntar para o seu parceiro o que há de errado com ele. Vocês falam muito mais, enquanto os homens são mais objetivos e calados, preferindo falar só quando há necessidade. Portanto, se o seu parceiro ficar calado ou lhe responder com poucas palavras, não presuma que ele está chateado, pois na maioria das vezes ele não estará.

Planejar a vida dele do seu jeito
Não tente programar as baladas, festas e “rolês” que ele terá com os amigos dele e em qual dia ele poderá fazer isso. Ele se sentirá controlado, se irritará com facilidade e não se sentirá nenhum pouco a vontade. Lembre-se de uma coisa: os homens, mesmo em relacionamento sério, precisam sentir um gostinho de liberdade.

Por fim, se o seu parceiro tem carro e vocês costumam andar sempre nele, evite se assustar com qualquer coisa quando ele estiver dirigindo. Isso o irritará profundamente, principalmente se você falar coisas como: “Cuidado, vai bater”, “Óh, óh o carro aí óh”, “Óoh, cuidado com a moto”, “Olha a mulher/homem, cuidado amor”, etc. Entenda uma coisa: Por mais que você ache que ele não está vendo, na verdade, ele já viu muito antes de você e não baterá em nada, portanto, não dê palpites enquanto ele dirige.


Recomendamos: