França investe R$ 15 bilhões em trens que não cabem nas estações

França investe 15 bilhões de euros em trens que não cabem nas estações, dá para acreditar? Confira!

Trem novo na França O que um dia poderia ser um caso impossível de acontecer, enfim, aconteceu! Mas não aqui no Brasil e sim lá fora, na França. Segundo as últimas notícias que se espalharam pela internet, o investimento de R$ 15 bilhões da França na compra de novos trens parece não ter ocorrido como o esperado, afinal, os trens vieram com medidas superiores as suportadas por algumas estações.

No total, foram 2 mil novos veículos adquiridos pelo Governo da França. Segundo um operador de trem da SNCF (operadora de trens francesa), aconteceu uma divergência de informações com relação as medidas dos trens dadas pela RFF (empresa responsável pela gestão dos trilhos).

Outro grande fator que influenciou a França sofrer este problema recente, foi justamente o fato de existirem duas dimensões de estações, sendo que uma serve para trens construídos há 50 anos e outra para trens construídos há 30 anos. As plataformas construídas há 50 anos são mais estreitas, e é nelas que os novos trens circularão, no entanto, as medidas dos trens novos dizem respeito as estações mais novas, e não será nelas que eles circularão.

Por fim, a única solução foi realizar uma manobra de escape emergencial: modificar 1.300 plataformas. Com isso, será necessário investir mais 50 milhões de euros (151 milhões de reais). A consequência desse problema é que 1 em cada 6 estações serão afetadas.


Recomendamos: